O desafio dos nossos dias...

30
Nov 09

 

 

 

"Nunca o invejoso medrou nem quem a par dele morou."

publicado por emcontratempo às 01:54

 

 

 

Nunca faz erros de todo, aquele que se arrepende

Diogo de Tovar

publicado por emcontratempo às 01:53

Upload Pictures - Photo Sharing - Free Image Hosting

 

 

publicado por emcontratempo às 01:49

 

 

O pobre e o rico são 2 pessoas.

O soldado defende os dois.

O contribuinte para para os três.

O trabalhador trabalha para os quatro.

O vadio come dos cinco.

O usurário vigariza os seis.

O advogado defende os sete.

O bêbado ri-se dos oito.

O confessor absolve os nove.

O médico mata os dez.

O cangalheiro enterra os onze

... e a caixa de Previdência fica com o dinheiro dos doze.

publicado por emcontratempo às 01:45

 

 

No princípio da Humanidade, quando deus criou o corpo humano, os orgãos vitais do mesmo começaram a discutir sobre quem seria o Chefe.

 

O cérebro expôs: "eu devo ser o chefe já que ordeno o funcionamento de todos vocês".

 

Os olhos argumentaram: "nós devíamos ser o chefe porque guiamos todo o corpo".

 

O coração disse: " então eu deveria ser o chefe porque levo o sangues para que todos vocês funcionem".

 

Nesse caso, disse o estômago: "eu serei o chefe porque os alimento a todos".

 

As pernas declararam-se chefes porque , segundo elas, "transportam todo o corpo".

 

Os demais orgãos indignaram-se pelo que cada um sentia, quando a merda pediu para ser ela a chefe.

 

Todos se riram desta tirada que consideram despropositada.

 

E a merda declarou: "eu serei a chefe" ... e negou-se a sair durante 15 dias.

 

O corpo estalava ...!!!!!

O estômago sentia-se mal ...!!!

Os olhos nublavam-se ...!!!!

O coração ameaçava parar ...!!!

As pernas tremiam ...!!!

... E então todos gritavam: " Que a merda seja o Chefe!!!!"

 

E desde então qualquer merda é Chefe!!!!

 

 

publicado por emcontratempo às 01:41
sinto-me:

 

 

Mais vale o saber do que o haver.

publicado por emcontratempo às 01:36

 

 

"Nenhum sonho se transforma em realidade sem deixar farrapos pelo caminho."

(Raul Brandão)

publicado por emcontratempo às 01:26

 

 

Por vezes o desânimo é tão grande e a vida parece nada, nada, que o corpo, se esvai em angustiosas marés do esmorecer. É o crespúsculo do fim.

E... fico-me a olhar este lago, este mar, que me tortura:

 

"Lago ilusório ! - eras um mar profundo:

- O mar da desventura, embravecido,

que nas ondas de pranto envolve o Mundo!...

 

Ó vida, ó Nada, em que vivi em vão!

Que és tu? E que fui eu? - sem ter vivido

o sonho que sonhara o coração"

 

Maria Isabel da Câmara Quental

publicado por emcontratempo às 01:00

 

Saudade é uma dor, dorida, que esmói, que trespassa o nosso ser.

 

"Saudade, duro sofrer,

encerra muita amargura

por isso o meu viver

é sempre uma tortura

 

Sorrindo, disseste a alguém

que a saudade não conheces.

Oxalá, para o teu bem,

a senti-la não comeces."

 

Elsa Costa

publicado por emcontratempo às 00:49

Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
14

15
16
20
21

25
26
27
28

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO