O desafio dos nossos dias...

08
Mai 13

 Hoje é dia Nacional da Segurança Social

 

Bispo de Bragança-Miranda chocado com o desprezo aos idosos

 
"D. José Cordeiro escreveu aos idosos da sua Diocese. Agradece-lhes o testemunho de vida e encoraja-os a serem “sentinelas do mundo”.
O Bispo de Bragança-Miranda, D. José Cordeiro, diz, numa carta dirgida aos idosos da Diocese, que o chocam "as manifestações de desprezo de idosos, o abandono destes em casa ou em lares, muitos dos quais apenas perseguindo o lucro económico, não considerando nem promovendo o capital de vida e de conhecimento experimentado que pulsa em cada um de vós”.

O texto começa por lembrar que, na Bíblia, “a velhice é encarada como uma bênção”, ao contrário do que acontece na sociedade actual, onde, por vezes, “a velhice se torna objecto de contradição, tida como um incómodo, como uma declinante fase da vida”, por ser associada à doença, à debilidade, à incapacidade e à improdutividade. 

Na carta que lhes dedica, D. José Cordeiro assegura aos idosos que conta com cada um “para a construção de uma sociedade mais justa, mais pacífica e mais fraterna” e convida-os a serem “sentinelas do mundo” e a assumirem um papel activo na Igreja e na sociedade: “A palavra invalidez não pode, de modo nenhum, caracterizar esta fase da vossa vida, simplesmente porque esta palavra não pode caracterizar aqueles que amam”.

O Bispo de Bragança-Miranda, que tem contactado muitos idosos durante a visita pastoral que está a cumprir à Diocese, afirma-se interpelado e solidário com os sofrimentos e apreensões que tem acolhido e a todos assegura afecto e oração.

“Sabei que vos lembro com carinho, e apresento ao Senhor, com particular atenção, todos os que viveis em situação de doença e maior debilidade física, os que experimentais a solidão e a incompreensão, a frieza das distâncias, os efeitos da pobreza, os temores e as incertezas perante o amanhã”, escreve o Bispo de Bragança-Miranda, realçando que Jesus Cristo e a Igreja continuam a desafiar os idosos “à vigilância da fidelidade, mesmo se este convite é feito no meio da fragilidade humana”."
notícia de 30-4-2013 na R Renascença
publicado por emcontratempo às 10:35

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.


Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO