O desafio dos nossos dias...

04
Dez 09

 

 

 

Essas tuas mãos vazias,

rugosas e calejadas

deram tudo,

sem esperar nada

em troca.

Hoje,

esperam carinho,

esperam apoio,

esperam compreensão.

Oh velhinho!

Vem comigo,

eu te ajudarei,

confia, vem!

Sabes.

Velhinho, um dia serei!

Se lá chegar...

Quem me há-de ouvir,

quem me há-de amparar,

quem me há-de escutar!

Oh velhinho!

Quem me há-de amar!

2009.04.06 Manomero

publicado por emcontratempo às 14:11

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
17
18

20
22
23
26

27


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO