O desafio dos nossos dias...

25
Dez 10

 

 

"Mulheres atarefadas
Tratam do bacalhau,
Do peru, das rabanadas.

-- Não esqueças o colorau,
O azeite e o bolo-rei!

- Está bem, eu sei!

- E as garrafas de vinho?

- Já vão a caminho!

- Oh mãe, estou pr'a ver
Que prendas vou ter.
Que prendas terei?

- Não sei, não sei...

Num qualquer lado,
Esquecido, abandonado,
O Deus-Menino
Murmura baixinho:

- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?

Senta-se a família
À volta da mesa.
Não há sinal da cruz,
Nem oração ou reza.
Tilintam copos e talheres.
Crianças, homens e mulheres
Em eufórico ambiente.
Lá fora tão frio,
Cá dentro tão quente!

Algures esquecido,
Ouve-se Jesus dorido:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?

Rasgam-se embrulhos,
Admiram-se as prendas,
Aumentam os barulhos
Com mais oferendas.
Amontoam-se sacos e papeis
Sem regras nem leis.


E Cristo Menino
A fazer beicinho:
- Então e Eu,
Toda a gente Me esqueceu?"

 

Poema tirado da net

publicado por emcontratempo às 20:38

03
Jun 10

 

Reunir para celebrar é fazer festa e - Festa do Corpo de Deus - é mesmo Tudo!

 

É Ele que se dá no Sagrado Banquete e nós que somos Seus convidados.

 

Neste dia é especial porque o Senhor vai solenemente em procissão, abençoar todos os espaços onde vivemos, onde andamos, porque Tudo é d'Ele...

 

... e o Povo devotamente caminhou mais uma vez com Ele, é o nosso pequeno testemunho de crentes católicos, é um dos nossos testemunhos de Fé, sim, caminhar em procissão com o Senhor!

 

Dizer a todos, nós acreditamos!

 

Vinde também connosco!

 

Vêde, é o Senhor!!!

peregrina

publicado por emcontratempo às 11:07

29
Abr 10

 

Há três anos que deixei de "dar"  Catequese.

Motivos vários me fizeram tomar essa opção.

Não deixei de ser "catequista"!

Acho que catequista vou ser sempre.

Neste momento colaboro na paróquia noutra área. 

Mas hoje, hoje acatei este apelo e fui ...

Fui para ouvir.

Fui para dar o meu testemunho. 

Testemunho de vida na paróquia.

Partilhar com outros esse testemunho.

Escutar o testemunho dos outros.

E sobretudo caminhar em grupo.

No grupo com as crianças do 8º. ano.

Semeámos, agora.

Esperamos que dê frutos.

Assim o queremos para maior glória de Deus.

publicado por emcontratempo às 11:28

15
Abr 10

 

 

Cristo não tem actualmente sobre a Terra nem outro corpo senão o teu;

outras mãos senão as tuas;

outros pés senão os teus;

tu és os olhos com os quais a compaixão de Cristo deve olhar o Mundo;

tu és os pés com os quais Ele deve ir fazendo o bem;

tu és as mãos com as quais Ele deve abençoar os homens de hoje.

 

Santa Teresa D'Ávila

publicado por emcontratempo às 15:54
tags:

12
Abr 10

 

O Povo de Israel achava que Deus tinha-Se esquecido dele "O Silêncio de Deus".

 

No momento do Baptismo de Jesus "o céu abriu-se" quer dizer que Deus comunicou com o Seu Povo.

 

Toda a Bíblia é o testemunho da iniciativa de Deus que ama o Seu Povo.

 

Chama-o e faz-lhe sentir o Seu Amor, protegendo-o, libertando-o da escravidão.

 

Toda a Bíblia é o testemunho da resposta deste Povo ao longo dos tempos: resposta que conduz à paz e à felicidade.

 

Deus liberta o Seu Povo da escravidão e estabelece com ele uma Aliança.

 

O Povo  compromete-se a um novo estilo de vida, com novos valores e novos  critérios: os Mandamentos, coração da Lei fundamental do Povo de Deus.

 

Quando na Bíblia se fala de "lei", não é própriamente no sentido que nós lhe damos hoje, na nossa mentalidade e cultura.

 

"Lei", na Bíblia, significa ensinamento, preceito, mandamento.

 

Os mandamentos são a vontade de Deus Libertador e como que uma síntese da Aliança de Deus com o Seu Povo para tornar o Homem feliz.

 

Vamos escutar a Palavra de Deus que nos diz, na maneira de falar daquele tempo, como Deus ajuda o Seu Povo.

 

Deus, por Amor do Povo, faz soprar o vento que provoca uma baixa mar muito acentuada, muito profunda, para poderem passar a pé.

 

Para os Hebreus, esta partida significa sair da opressão para a liberdade, da tisteza para a alegria, das trevas, para a Luz.

 

Acreditam que realmente Deus está com eles e não os abandona. Porque o Senhor, nessa noite, passou pelo Egipto para os libertar enquanto comiam a ceia.

 

Chamaram a esta ocasião Páscoa, que na língua deles em hebraíco quer dizer "passagem": A Páscoa ou a Passagem de Deus.

 

Nunca mais se esqueceram deste acontecimento.

 

Essa noite foi a Primeira Páscoa - a Passagem do Senhor que vem libertar o Seu Povo.

 

A Nova Páscoa é Jesus Cristo!!!

 

                    imagem da net

 

Ele é a Páscoa que todos celebramos!

 

Ele é a Páscoa que vivemos quando nos libertamos das nossas opressões!

 

Cristo é a Nossa Páscoa!  Aleluia!!!

 

(algumas anotações minhas de quando dava catequese ao 5º. Ano)

publicado por emcontratempo às 10:20

03
Abr 10

 

 

 

 

Agora, pois, permanecem a Fé, a Esperança e o Amor, estes três, mas o maior destes é o Amor!!!

 

Ao perfazerem cinco anos da partida do Santo Padre para o Céu,

 

pensemos nestas suas palavras:

"Estou pronto, estejam vocês também prontos e orem à Virgem Maria."

(palavras do Santo Padre o Papa João Paulo II ditas ao seu secretário em 2005 04 01)

publicado por emcontratempo às 00:38

01
Abr 10

 

Dia da Instituição do Mandamento do Amor
 
 
 
Disse Jesus:
 
"Dou-vos um mandamento novo, amai-vos uns aos outros como Eu vos amei"
publicado por emcontratempo às 11:23

09
Mar 10

 

Quantas vezes pedimos?!

Quantas vezes nos alegramos por sermos atendidos?!

E... quantas vezes agradecemos?!


O SOCORRO DO CÉU

"Montado no seu cavalo, o rico fazendeiro dirigia-se à cidade como fazia frequentemente afim de cuidar dos seus negócios.
Nunca prestara atenção naquela casa humilde, quase escondida num desvio à margem da estrada.
Naquele dia experimentou insistente curiosidade; quem morava ali?
Cedendo ao impulso, aproximou-se...
Contornou a residência, e sem desmontar, olhou para uma janela aberta e viu uma garotinha de aproximadamente 10 anos, ajoelhada, mãos postas e olhos lacrimejantes.


_ Que faz você ai minha filha? (fazendeiro)


_ Estou orando a Deus, pedindo socorro.
Meu pai morreu, minha mãe está doente e meus quatro irmãos têm fome. (menina)


_ Que bobagem!, disse o fazendeiro.

_ O céu não ajuda a ninguém, está muito distante... Temos que nos virar sózinhos.

Embora irreverente, e um tanto rude, era um homem de bom coração.
Padeceu-se... Tirou do bolso boa soma de dinheiro e  entregou à menina.

_ Ai está... Vai comprar comida para os irmãos e remédio para mamãe, e esqueça a oração.

Isto feito, retornou à estrada...

Antes de completar duzentos metros, decidiu certificar se a sua orientação estava sendo observada.
Para a sua surpresa a pequena devota continuava de joelhos.

 

_ Ora essa, menina, porque não vai fazer o que recomendei? Não lhe expliquei que não adianta pedir!

E a menina feliz respondeu...

_ Já não estou mais pedindo, estou apenas agradecendo...
Pedi a Deus e Ele enviou o senhor."

Autor desconhecido

 

publicado por emcontratempo às 15:56

18
Fev 10

 

 

Ontem foi Quarta-feira Cinzas

O primeiro dia da Quaresma

Encontrei esta nota na net e achei por bem partilhar.

Ontem para quem recebeu as cinzas nas suas paróquias decerto ouviu tudo isto pelos seus párocos, como eu ouvi também.

Mas para aqueles que não foram, por impossibilidade ou por opção, ao menos leiam e procurem interiorizar vivendo com mais profundidade cada dia deste percurso quaresmal.

 

"A imposição das Cinzas é um costume praticado na Igreja desde as suas origens.

Na tradição judia, o símbolo de rapar a cabeça e colocar as Cinzas manifestava o próprio arrependimento e a vontade de converter-se: as Cinzas são sinal da fragilidade do homem e da sua da vida.

No início do cristianismo impunha-se as Cinzas especialmente aos pecadores públicos.

A partir do século VIII impõe-se as Cinzas a todos os fiéis cristãos por ocasião da Quarta-feira de Cinzas.
Desde então as Cinzas obtêm-se ao queimar as palmas (em geral de oliveira) que foram abençoadas no último Domingo de Ramos.

As Cinzas são impostas pelo Sacerdote ou ministro da comunhão na fronte do fiel, fazendo a sinal da cruz com elas, e pronunciando o ministro da comunhão ao mesmo tempo a frase do evangelho de S. Marcos:

 

“Arrependei-vos e acreditai no evangelho”.
 
Jesus de Nazaré ensina-nos a fazer o bem.
Jesus realçou o facto do Jejum, da Caridade e da Oração se deverem praticar em segredo, pois “DEUS PAI, que vê tudo, recompensar-te-á”.
Jesus criticou o comportamento dos fariseus, a quem chamou hipócritas e sepulcros caiados, pois, embora por fora aparentem ser muito bons, por dentro são corruptos.
Realçou também o facto de muitos dos membros desta seita se dedicarem ao Jejum e à Oração com grande empenho, mas unicamente com o objectivo de serem vistos e admirados pelas outras pessoas.
Jesus faz criticas constantes à sua falta de humildade e às dificuldades que criam às pessoas mais simples para se poderem aproximar de Deus.

O SIGNIFICADO DO NÚMERO 40


Como outros números, o número 40 é um número simbólico. O número 40 indicava, entre outros significados, um período de preparação por causa de um grande acontecimento.




- O dilúvio durou 40 dias e 40 noites.


- 40 anos foi o tempo que passou o povo de Israel no deserto.


- Moisés e Jesus fizeram 40 dias e 40 noites de Jejum para prepararem a sua missão.
 

O JEJUM, A CARIDADE E A ORAÇÃO.

 

A Quaresma significa um período de renovação da própria vida. As práticas a cumprir são três: O JEJUM, A CARIDADE, E A ORAÇÃO.


 

- O JEJUM. Para seguir Jesus, o cristão deve ter a força de se esquecer de si mesmo, de não pensar nos próprios interesses, mas só no bem do irmão. Assumir uma atitude constante, generosa e desinteressada não é fácil. É este o sentido do Jejum.
 

 

- A CARIDADE. A partilha, a solidariedade, a justiça e o amor para com os mais necessitados, são gestos de caridade que Jesus aprecia com muita satisfação.
 

 

- A ORAÇÃO. Rezar para pedir a Deus força para se converter e para crer no Evangelho. A oração dá-nos força suficiente para vencermos as tentações.


Começar a Quaresma de mãos abertas


Jesus convida-nos a sermos simples e humildes, a fazermos o bem sem publicidades.
-Nesta Quaresma, propomos-te fazer uma série de boas acções: observar o rosto de Jesus nos outros, confortar alguém que esteja a sofrer, rezar, não insultar os teus colegas, ajudar nas tarefas de casa.
- Jesus indica-nos de que forma fazer estas coisas boas: com descrição.
-- Não te esqueças que tudo o que faças de bem durante a Quaresma não o deves publicitar para promover a tua imagem."

Arménio Rodrigues
menorodrigues@gmail.com
menorodrigues.blogspot.com
publicado por emcontratempo às 12:01

29
Dez 09

 

Anunciar e dar testemunho o melhor que se pode, é colocar em campo fértil a Palavra de Deus. É missão, é ser missionário...

 

"A Missão de Mãos Erguidas

 

Ide dizer aos humildes:

Não estás longe do reino de Deus (Mc 12,34)

 

Ide dizer aos ricos:

Já tendes a vossa recompensa (Lc 6,24)

 

Ide dizer aos políticos:

Dai a Deus o que é de Deus (Mc 12,17)

 

Ide dizer aos teólogos:

Dai a César o que é de César (Mc 12,17)

 

Ide dizer aos governantes:

O que quiser mandar, sirva os outros (Mt 20,26)

 

Ide dizer aos generais:

Mete a espada na bainha (Mt 26,52)

 

Ide dizer às pessoas importantes:

Os primeiros serão os últimos (Mt 19,30)

 

Ide dizer aos simples:

Os últimos serão os primeiros (mt 19,30)

 

Ide dizer aos apressados:

Uma só coisa é necessária (Lc 10,42)

 

Ide dizer aos soldados:

Bem aventurados os que fazem a paz (Mt 5,9)

 

Ide dizer aos vadios:

Porque estais todo o dia ociosos? (Mt 20,6)

 

Ide dizer aos desiludidos:

Venho dar-vos uma grande notícia (Lc 2,10)

 

Ide dizer aos pessimistas:

Valeis mais que muitos passarinhos (Lc 12,24)"

 

Frei Rito Dias

in calendário da LIAM 2009

 

publicado por emcontratempo às 18:25

Maio 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO